Como Passar em Concurso: Guia Absolutamente Completo

Motivação

Como Passar em Concurso: Guia Absolutamente Completo

Adriano Silva
Escrito por Adriano Silva em novembro 7, 2019
Lista VIP (Só os melhores tem acesso)

Receba Notícias, Dicas e Descontos Exclusivos... Tudo isso de forma 100% Gratuita

Nesse artigo você vai aprender, passo a passo, tudo que você precisa para passar em um concurso. Confira!

Todo mundo que começa a estudar para um concurso se depara com diversas histórias de pessoas que se dedicaram por meses ou até anos e, mesmo assim, não conseguiram passar para o concurso que desejavam. Você mesmo pode estar passando por isso agora.

Você já se perguntou porque alguns, depois de um tempo razoável de estudo, entram, enquanto muitos não conseguem chegar lá, apesar de toda dedicação e suor. Porque abdicam de tanto e mesmo assim não arranjam uma forma de transformar o esforço em resultados?

As respostas são muitas, desde falta de um método eficiente, falta de foco, de um lugar adequado para estudar, falta descanso ou excesso de estresse até material de estudo fraco ou obsoleto.

Em todos os casos a questão que fica é: o que fazer e como fazer para que isso não seja seu caso ou mesmo, se for,  mude de uma vez por todas a partir de agora.

Quem dera tivesse um conteúdo mágico que pudesse ajudar concurseiros passando por essa dificuldade ou mesmo ensinado ponto a ponto como estudar com eficiência, não é?

E não é que esse passo a passo existe e justamente ele que você vai ver nesse artigo. Um conteúdo simples e prático que vai te fazer passar de um eterno concurseiro para um concursado. Leia, aprenda e coloque em prática!

Antes de colocar a mão na massa, não posso esquecer de te falar do Guia Prático Para Passar Em Concurso em 1 Ano.

Esse Guia faz realmente a diferença na vida das pessoas, eu tenho recebido vários depoimentos emocionantes

Você pode ser o próximo a realizar esse sonho!

Clique Aqui para saber mais

Agora Vamos os pontos!

Estabeleça um objetivo

É comum ver por aí pessoas estudando para muitos concursos, de muitas áreas, ao mesmo tempo, pensando: “Quanto mais concursos eu fizer melhor, mais chances de eu passar”. Mas isso não só não é uma verdade, quanto é uma furada.

Quando se trata de passar em concursos, quanto mais especialista você se tornar, melhor. Entretanto, quando você estuda para muitos concursos ao mesmo tempo você não consegue se especializar na matéria de nenhum deles. 

É muito conteúdo. Ao estudá-los começa a ter um pouco de conhecimento sobre cada coisa, mas não conteúdo o suficiente sobre cada uma delas para passar em alguma. Por esse motivo, o mais eficaz é estabelecer um objetivo, ter foco e investir nele.

Caso você queira fazer para mais de um concurso, é recomendado escolher áreas correlatas, que você poderá estudar matérias em comum. Isso faz muita diferença!

Pode reparar, quem costuma passar é quem tem foco.

Escolha um bom espaço de estudo

Para conseguir absorver um conteúdo com qualidade é necessário concentração, não é mesmo? Por esse motivo, dificilmente você conseguirá estudar em um lugar desorganizado ou que você tenha muitas distrações ou barulho.

Assim, uma das coisas mais importantes na hora de estabelecer uma rotina de estudo para passar em um concurso é escolher bem um local calmo, fresco, silencioso, organizado e longe de distrações.

Óbvio que isso não é uma tarefa fácil nos dias de hoje. Trânsito, buzina, barulho, família, desorganização, afazeres e celulares são todos partes do nosso dia a dia, porém inimigos. Mas existem algumas dicas que podem te ajudar a amenizar isso.

No caso do barulho, uma opção é escolher um local da casa separado, onde você possa colocar seu material, ficar isolado e estudar. Caso não tenha esse lugar na sua casa, uma boa dica é ir a uma biblioteca de alguma faculdade próxima à casa ou ao seu trabalho.

Em último caso, se em qualquer um dos lugares possíveis ainda tiver barulho, use protetores auriculares, eles abafam quase totalmente o som.

Quanto a organização, ela também é necessária. Se o seu lugar de estudo for em casa, mantenha sua mesa organizada, com todo o seu material e tudo que vai precisar. Com computador, livros, apostilas, caderno, lápis, caneta, marcador e tudo mais a disposição. 

Caso estude em um outro lugar, organize o material em uma mochila, dividido em compartimentos. Quando chegar ao local, os organize na mesa que vai estudar, de forma que tudo fique a mostra. Quando for embora, os coloque organizadamente na mochila novamente.

Ter esse cuidado com o lugar que você vai estudar e com o seu material além de ajudar a organizar a mente, faz com que você não precise ficar levantando toda hora e procurando coisas, o que otimiza muito o tempo de estudo.

Leia o edital, planeje seu tempo e desenvolva um método de estudo

Planejar é essencial!

Para estudar de forma eficiente e que te produza resultados será necessário que você crie uma rotina de estudos muito bem definida, com horários e matérias, levando em conta quanto tempo  falta para o concurso, quantas horas por dia você dispõe, o que será cobrado na prova e quantas questões terá cada matéria.

Primeiramente, você precisará levar em conta o edital e, a partir dele, criar um horário fixo para estudar, com intervalos (o break é importante). Através do edital que você vai conhecer todo o conteúdo programático do concurso.

No entanto é recomendado começar a estudar antes do edital sair. Mas e aí, como faz? Simples, utilize o edital anterior como base e comece pelas matérias mais básicas, que nunca mudam muito, como português, matemática e afins.

Quanto o edital sair é hora de analisá-lo e dividir o seu tempo por cada disciplina do edital, sem esquecer do peso de cada matéria. Ou seja, você precisa dedicar mais tempo as matérias que vão ter mais questões.

Exemplo: Se terá 10 questões de português, 10 de matemática, 10 de raciocínio lógico, 10 de direito constitucional e 20 de direito tributário. Você poderá dividir os horários de uma forma que você estude 2 vezes por semana Tributário e 1 vez por semana cada uma das outras.

É importante você não esquecer também de reservar um dia para exercícios gerais ou simulados. 

Outra coisa essencial são os intervalos, pois eles permitem um bom rendimento durante todo o período. Por isso faça intervalos de 15 minutos a cada 1h30 e intervalos maiores durante os turnos (manhã, tarde, noite) – pelo menos 1h. 

Após definir tudo isso e montar a sua planilha de estudo com os horários das matérias, intervalos e simulados, é hora dividir as matérias pelos subtópicos. Geralmente tem no edital os assuntos que vão cair de cada matéria. 

Por exemplo, em matemática, costuma ser cobrado:

  • Análise Combinatória
  • Juros (simples e Compostos)
  • Noção de Função
  • Probabilidade
  • Progressão Aritmética
  • Progressão Geométrica

A partir disso, você vai estudar um por vez até entender o conteúdo daquele assunto e depois passar para o próximo e assim em diante. 

Outra boa dica na hora de se organizar é fazer uma etapa de estudo de cada vez de uma forma progressiva, principalmente em português e direitos. Nas primeiras semanas você lê os conteúdos, após lido, começa a fazer resumos, em seguida faz exercícios para fixar e termina com simulados.

Tenha determinação e assiduidade

De nada adianta ler o edital, estabelecer uma planilha de estudos, um método, começar a colocar ele em prática e ficar pulando dias, arrumar desculpas e descumprir a rotina. Muita gente faz tudo direitinho no começo e depois começa a desandar.

É bom ter em mente que cada dia é um passo que te aproxima de chegar onde você deseja e que o seu compromisso é apenas com você. Cada dia a menos é um passo a menos e no final você pode ter que correr – o que geralmente não trás bons resultados, pois precisamos de tempo para a nossa mente fixar os conteúdos.

No entanto, a gente sabe que muitas vezes pode bater desânimo e desmotivação. Para evitar que isso aconteça é importante que você desenvolva uma rotina agradável antes do estudo, de forma que ele não se torne uma martírio e sim um prazer.

O melhor horário para estudar é pela manhã, pois a energia está renovada e cabeça descansada e pronta para receber informações, mas às vezes a gente demora um pouquinho para acordar  

Se você estuda nesse horário, não vá direto para a mesa de estudos. Se espreguice com calma, tome um banho relaxante e coma um bom café da manhã primeiro.

Caso só tenha o horário da noite para estudar, pense na possibilidade de tirar um cochilo de 15 minutos antes de começar o estudo. Faz muita diferença. Se não puder fazer isso, pelo menos tome um bom banho e coma um boa comida (mas não muito pesada).

Isso tudo vai te ajudar ter mais disposição, ânimo e foco para estudar.

Um bom material é importante

Muita gente não passa na prova porque estuda através de um material pobre ou ultrapassado. É importante ter um bom equipamento de estudos para se debruçar, pois é através dele que você irá obter as informações sobre os assuntos que deseja aprender.

Um material com conteúdo pobre pode deixar de ensinar muita coisa importante ou não te explicar da maneira correta, com os métodos adequados, e isso vai fazer uma diferença absurda no resultado do aprendizado.

E como o conhecimento é um campo que se aprimora o tempo todo, muita coisa muda muito rápido, principalmente nos direitos, no português (em regras ortográficas), na geografia política e nem se fala na informática, por isso, facilmente as apostilas ou vídeos de alguns anos atrás não servem mais.

Muito material você encontra gratuitamente na internet, mas nem tudo. Ela serve mais para você tirar dúvidas sobre assuntos específicos que você já está introduzido ou ter introduções sobre eles. A internet é uma ótima ferramenta de apoio.

Em contrapartida, muitas apostilas (físicas os digitais), livros, ebooks e tudo mais, vão te dar o conteúdo passo a passo e as vezes te pegar pela mão de um assunto a outro.

Então é importante que você pense em investir em bons materiais, de qualidade e atuais. Faça uma pesquisa dos melhores e mais recomendados, crie uma lista e escolha o que vale a pena investir, com o melhor custo benefício.

Relaxar e dormir adequadamente

Esse é um dos tópicos mais importantes para seu estudo funcionar e um dos que as pessoas mais erram.

Muita gente na ânsia de passar acaba levando seu corpo e sua mente a extremos. Tornando o ambiente de estudo em um campo de batalha, território da ansiedade, do desgaste e do estresse.

É claro que a época de preparação para um concurso é complicada e, conforme vai chegando mais perto, vai se tornando ainda pior e mais tensa. Nesse momento a gente se desespera achando que não vai dar tempo ou que não somos capazes.

Primeiramente, saiba que na maioria das vezes nenhum desses medos é real, são apenas resultados da nossa cobrança e ansiedade. Mas nem por isso devem ser ignorados, devido a eles muitas pessoas começam a dormir menos ou estudar horas a fio sem parar na tentativa de fixar mais conteúdo. Dica: Pare! Isso é roubada!

Relaxamento, descanso e sono são tão essenciais para o seu aprendizado quando as horas de estudo. Quando estamos muito estressados ou ansiosos nossa mente não se concentra no que estamos tentando estudar.

Quando passamos muito tempo estudando sem intervalos ou descanso, não temos qualidade no estudo. Uma mente cansada não aprende, mesmo você relendo mil vezes.

E quando não dormimos adequadamente, privamos a nossa mente da atividade que faz nossa memória guardar o que aprendemos.

Um estudo publicado pela revista Science mostra que um sono profundo depois de estudar incentiva o crescimento de conexões entre as células cerebrais, o que ajuda a reter memórias. Então, amigo, considere dormir bem parte essencial da sua rotina de estudo.

Mas nada de tentar dormir 10 minutos depois que parou de estudar. O indicado é para antes, ter pelo menos 1h de distração, pois dormir logo após estudar pode causar insônia ou confusão. Tome um banho, coma algo, veja um episódio de uma série bem leve. Depois é só cair no seu sono tranquilo.

Quanto a ansiedade, ela realmente pode atrapalhar os estudos, então se tiver muito ansioso e sem conseguir se concentrar, considere relaxar, oxigenar a mente. De nada adianta ficar batendo cabeça, só atrapalha ainda mais.

E caso perceba que a sua ansiedade está se tornando algo crônico, ou seja, se te atrapalha desde o começo da atividade e nada adianta para aliviá-la, considere fazer uma terapia. Você não vai conseguir render se sua mente não estiver saudável.

Relembrando: faça intervalos, se divirta de vez em quando e descanse. Isso tudo faz parte de uma rotina saudável e eficaz de estudos.

Conclusão

Não existe uma fórmula mágica para você passar em um concurso, mas certamente se você seguir essas dicas e persistir dificilmente não vai conseguir.

É simples! Estabeleça um objetivo, ou seja, foque em um concurso ou uma área de concurso; escolha um local de estudo tranquilo, arejado, silencioso e sem distrações; faça um planilha de estudo levando em conta seu tempo e o conteúdo pedido no edital; seja assíduo nos estudos, tenha um bom material e descanse adequadamente.

Não se esqueça que o Guia Prático Para Passar em Concursos Públicos em 1 Ano é a o seu melhor companheiro na jornada de ser aprovado!

Gostou das dicas? Que tal colocá-las em prática agora mesmo.

Divulgue para os amigos que estiverem com a mesma dúvida ou dificuldade.

Bons estudos e boa prova!

E aí,

Comentá aí o que você achou desse artigo!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *